Diabetes Gestacional: tudo que você precisa saber

diabetes-gestacional

A diabetes gestacional ocorre quando há um aumento no nível de glicose no sangue. Isso porque, durante a gravidez, várias adaptações hormonais surgem, a fim de que o bebê tenha um bom desenvolvimento.

Quando o embrião é exposto a grandes quantidades de glicose durante sua evolução, existe um risco maior de macrossomia fetal, que é o crescimento demasiado do feto, o que pode gerar partos traumáticos, hipoglicemia neonatal, obesidade e até diabetes na vida adulta.

Quando ocorre a diabetes gestacional?

Qualquer gestante está sujeita à doença, por isso, é recomendado que sejam feitos teste de glicose a partir da 24ª semana de gravidez, além de manter os cuidados e acompanhamento médico.

Mulheres que já tiveram esse problema ou fazem parte do grupo de risco devem fazer os exames antes da 13ª semana.

O mais natural é que o diabetes gestacional seja curado logo depois do parto, porém ainda há o risco de diabetes tipo 2.

Por isso, 6 semana após dar a luz, a mulher que teve diabetes gestacional deve realizar novos exames de glicose, sem que esteja usando medicamentos antidiabéticos.

Quais as causas da diabetes gestacional?

Alguns fatores podem contribuir para o surgimento da doença, são eles:

  • idade materna avançada
  • caso de diabetes na mãe da gestante
  • gestação múltipla
  • história prévia de recém-nascidos com mais de 4kg
  • hipertensão arterial sistêmica durante a gestação
  • sobrepeso ou obesidade
  • histórico familiar de diabetes (em parentes de 1º grau)
  • síndrome dos ovários policísticos
  • diabetes gestacional em gravidez anterior

Como prevenir ou controlar a diabetes gestacional?

Embora não haja como garantir uma gestação sem o desenvolvimento da diabetes, é possível adotar hábitos que ajudam a prevenir o problema:

Tente perder os quilinhos em excesso antes da gravidez. Faça exercícios físicos, pelo menos, três vezes na semana e coma verduras, legumes e frutas e dê preferência aos alimentos ricos em fibra. E, claro, evite o estresse.

Já o controle deve ser feito por meio de orientação nutricional adequada, uma vez que a cada período será preciso readaptar a quantidade de nutrientes da dieta. Da mesma forma, as atividades físicas só poderão ser feitas após avaliação médica.

Em alguns casos ainda é preciso associar o uso de insulinoterapia, pois os exercícios e a alimentação correta não são suficientes para controlar o organismo.

Como descobrir a diabetes gestacional?

Na maioria dos casos é diagnosticada entre as semanas 24 e 28 de gestação, que é quando, normalmente, começa a resistência à insulina.

Geralmente, o problema é descoberto através da análise dos resultados de testes específicos de glicose, como curva glicêmica, hemoglobina glicada e glicemia em jejum.

Esses exames laboratoriais de rotina, assim que solicitados pelo médico, podem ser feitos com rapidez e confiança em qualquer uma de nossas unidades e o resultado pode ser consultado online.

É importante lembrar que a própria gravidez pode causar alguns sintomas, neste caso, o diagnóstico só pode ser realizado pelo médico. Quer saber mais? Mande um whatsapp clicando aqui ou ligue para 3215-5724.

 

Fontes: www.diabetes.org.br | https://saude.abril.com.br

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *